sábado, 16 de outubro de 2010

Dream of butterfly... Or is life a dream?

Recentemente comecei a jogar um jogo chamado "Persona" do PSP. É um "remake" (é bem parecido com o original japonês) de um jogo do PSX de mesmo nome que seria o primeiro de uma série que carregaria o nome adiante, uma série que só foi popularizada graças ao seu quarto jogo (Persona 3).

Bem, chega de detalhes. Vou logo ao que interessa.
Ao iniciar o jogo, o jogador se depara com um estranho texto que questiona a realidade como acreditamos ser. Trata-se de um texto "famoso" de um grande filósofo taoísta chinês do período A.C. chamado Zhuangzi (ou Chuang-Tzu, dependendo da tradução).

Bem, esse pensamento tem várias traduções, mas vou deixar aqui uma que é bem explicada e cheia de detalhes:

O Homem e a Borboleta
Chuang Tzu

Uma vez eu sonhei que era uma borboleta,
voando entre as flores e arbustos do jardim.

Tudo era tão concreto e real
que em momento nenhum do meu sonho
suspeitei que a borboleta era eu
ou que eu fosse a borboleta.

Para todos os efeitos possíveis e imagináveis,
eu era, eu agia e eu realmente me sentia uma borboleta,
cumprindo o destino de uma borboleta qualquer.

De repente, eu acordei
e lá estava eu, sendo a pessoa que eu sempre fui
- ou que sempre imaginei ser.

Sei muito bem
que entre um homem e uma borboleta
há tantas diferenças fundamentais e insuperáveis
que a transformação de um no outro
é algo simplesmente impossível de acontecer no mundo real.

É por isso que, desde então,
eu nunca mais tive sossego
quanto à minha verdadeira identidade.

Pois não há nada que me permita saber,
com toda certeza e rigor,
sem nenhuma margem de dúvida,
se eu sou verdadeiramente um homem,
que um dia sonhou que era uma borboleta,
ou se eu sou uma borboleta,
sonhando que é um homem.


É um tanto radical, mas nos faz pensar: "isso que vivemos é realmente a realidade? Ou é apenas uma ilusão, um sonho, ou até mesmo um devaneio alheio?"
Eu sempre pensei que poderia existir mais do que isso que vivemos, talvez por eu ser otimista, afinal essa é uma realidade bem deprimente. Até mesmo no orkut eu já recebi uma sorte do dia (aposto que todos já receberam também) que dizia algo como: "O otimista diz que vivemos no melhor dos mundos, o pessimista teme que isso seja verdade.", mas essa frase me atingiu. Mais do que outras pessoas, talvez.
Bem, chega dessa conversa, eu poderia falar mais, e deveria, mas eu vou deixar a conclusão disso pra quem ler essa joça.
Espero que tenham gostado do post duplo. Se não, o problema não é meu, quem perdeu tempo aqui foi você. u_u

Ah, sim, quase me esqueço, uma das músicas do jogo é baseada nesse texto. O nome dela é "Dream of Butterfly" (o nome do post?) cantada por Yumi Kawamura e composta por Shoji Meguro. Toma o link pra ouvir no youtube: http://www.youtube.com/watch?v=A_sR-LFfZAU

Bem, queria colocar aqui a letra dessa música que eu traduzi, mas o blog tá com problemas de formatação, até mesmo quando eu vou direto no html, bem, mas se alguém quiser a letra, eu ponho aqui, então é só pedir.

9 comentários:

Tony disse...

"Pelo menos estou seguro na minha mente."

Tony disse...

Sério mesmo, de todos os posts que eu já escrevi, esse foi o pior. E olha que eu já escrevi muita merda por aqui.
Mas, fazer o quê? Eu tava delirante nesse dia, gripado e com febre, foi foda de pensar direito. Mas é isso aí, eu não vou mudar nada não. Afinal, "Um blog sobre as inúmeras inutilidades, desventuras, DEVANEIOS, pensamentos e garotas que passam na cabeça desse ser."
Preciso dizer mais alguma coisa?

Cássia disse...

kkkk'
Tenho q rir do seu comentário!

Cara,gostei do texto! Cê acredita que eu não conhecia ?

Acho que vc não é o único,já passou pela minha cabeça se isso aqui não for real,ou um sonho/pesadelo ...
É tão confuso né?!

Mas vamos aproveitar né?!

Nunca se sabe quando isso tudo ira acabar. Se estamos vivendo na realidade ou na mentira, se é um sonho,pesadelo ou se realmente estamos acordado !

Bjoooos

Tony disse...

É isso que eu faço, poxa! Aproveito, independente do que for, ou do que tiver além disso, eu faço quase tudo que gostaria de fazer... Se bem que eu sou meio caseiro e gosto de video games, então minha vontades podem ser um pouco "tediosas" pra um público geral, mas são os meus hobbys!
Bem, é isso, esse texto é bacana, fiz questão que você lesse, não sei por que.
Boa sorte aí, e se ligue em mim!
Aliás, você ouviu a música?

Lucas "LuckxD" disse...

Cara, eu penso nisso direto, as vezes eu até me sinto saindo do meu corpo(O.O) e vendo as coisas em "terceira pessoa", bizarro.
Mas cara, se ficar pensando muito nisso a gente fica maluco, não faz sentido e faz ao mesmo tempo @.@

E se os sonhos na verdade são a realidade mas toda vez que a gente acorda uma força(?) nos coloca pra dormir de novo.
Matrix Total!

Persona FTLose Megaten For the Win!11!!!

Tony disse...

Sei como é isso daí, cara. Cai na parte de sonho lúcido e outras coisas mais "exotéricas". Bem, eu as vezes fico imaginando, será que eu realmente to acordado? Talvez eu tenha sofrido um acidente e esteja em coma, e tudo isso seja uma ilusão, quem sabe?
As vezes eu imagino, por pura paranóia talvez, quando tomo banho, o banho é na minha mente, eu estaria tipo num manicômio na verdade me despindo na do nada e fantasiando estar no banho. Tipo uma esquizofrenia, é estranhão.
Mas dizem que questionar a própria sanidade é algo que só pessoas sãs fazem. Quando uma pessoa é biruta, ela acredita ser perfeitamente sã.
Talvez questionar a realidade seja prova que é real? Hmm... Acho que são coisas diferentes mesmo. Mas sei lá, tire suas próprias conclusões e seja feliz. Só não pense que realmente estamos na matrix, e se pensar, NÃO TENTE se matar!

Tony disse...

Persona é o ápice da série Shin Megami Tensei. Prove-me errado.

Cássia disse...

Quanto que vc vai atualizar isso aqui?! ><'

Tony disse...

Quando me pedirem a letra da música que eu falei nesse post.

Postar um comentário